Posts com Tag ‘SBC’

Fonte: Metodista — Publicado em: 01/09/2010 17:34

A expectativa é que este ano cerca de 15 mil pessoas compareçam na segunda edição da festa “Muitos Povos, uma Cidade”

Com o intuito de estimular e apoiar a diversidade cultural de migrantes e imigrantes, cerca de 15 mil pessoas são esperadas este ano – Foto: Divulgação

MARCO MESQUITA

Da Redação

Com o intuito de estimular e apoiar a diversidade cultural de migrantes e imigrantes, cerca de 15 mil pessoas são esperadas para a 2ª edição da Festa Muitos Povos, Uma Cidade, que será de 3 a 7 de setembro nos antigos estúdios da Companhia Cinematográfica Vera Cruz, em São Bernardo. O evento, que faz parte do calendário dos festejos de aniversário da cidade, destaca-se pela diversidade cultural, histórica e gastronômica, trazendo um cardápio variado, contemplando diversos gostos, classes e faixas etárias.

As atrações serão dividas em dois pavilhões, totalizando 7.340 m² de área destinada às atrações. A viagem cultural passeia desde as danças típicas do Chile até a dança exótica indiana e o sincronismo dos grupos russos, lituanos, croatas e gregos. O tour gastronômico remete aos múltiplos sabores das culinárias cigana, oriental, portuguesa, italiana, grega, indiana, boliviana, chilena, lituana e alemã, fazendo um paralelo aos pratos típicos de Minas Gerais, Paraíba, Ceará e Bahia.

Marcos Lula, responsável pelo setor de turismo, afirmou que a festa é de grande importância para a cidade. “Ainda mais com todos os povos que vieram construir a cidade. É uma festa muito importante, já que São Bernardo tem o maior número de colônias e você também tem os Estados que vieram para cá, como Paraná e grande parte do Nordeste, com a industrialização. São Bernardo tem essas duas caras.”, contou Lula.

Serçao realizados três shows noites dos dias 4, 5 e 6 de setembro. A dupla sertaneja Alex Sandro e Marcelo fecha a noite do dia 4 (sábado), Art Popular se apresenta no dia 5 (domingo) e a dupla Diogo e Danilo encerra as atividades do dia 6 (segunda). Com entrada e estacionamento gratuitos, a festividade foi realizada pela primeira vez em 2009, com um público de oito mil pessoas.

Programação:

Sexta (3)

20h30 – Conjunto Folclórico Chile Lindo

Sábado (4)

12h – Mizuho Wadaiko

15h30 – Centro de Tradições Gaúchas “Meu Pago”

17h – Rancho Folclórico Português Aldeias de Nossa terra

18h30 – Grupo Folclórico Troyka de Danças Russas

19h30 – Sociedade Hispano – Grupo Lembranza e Agarimo

20h – Show com a dupla sertaneja Alex Sandro & Marcelo

Domingo (5)

12h – Grupo Folclórico La Bella Itália

15h30 – Mona Kavungo – Balé Afro

16h30 – Grupo de Danças Ciganas Espírito Gitano

17h – Grupo de Danças Gregas Neolea

18h30 – Conjunto de Músicos e Cantores da Nação Guarani

19h30 – Dança Clássica Indiana e Bollywood

20h – Show Musical com Art Popular

Segunda (6)

13h30 – Grupo Folclórico Akhulli

15h30 – Apresentação Indiana

18h30 – Grupo de Dança Alemã Hallo Welt

20h – Show Musical com a dupla Diogo & Danilo

Terça (7)

13h30 – Sociedad Folklorica Boliviana

17h – Grupo de Danças Folclóricas Jadran, da Sociedade Amigos da Dalmácia – Croácia

18h30 – Nemunas Ansamblis – Danças Folclóricas Lituanas

19h30 – Conjunto Folclórico Chile Lindo

Praça de Alimentação

Japão

Cardápio: Yakissoba, Tempura, Pastel, doce japonês, suco de fruta natural

Itália

Cardápio: Macarrão, Porpeta, Rondeli, Alcachofra

Grécia

Cardápio: Mussaká (lasanha de berinjela grega com molho branco), Spanakopita (Folhado de espinafre), Tiropita (Folhado de queijo), Pastitsio (Macarrão com carne moída e molho branco), Tzaziki (antepasto de coalhada seca , pepino e alho), Kurabiedhes (Mantecal de amêndoas), Baclavá (Folhado de Nozes), Ouzo (bebida típica grega, destilado de raízes de beterraba aromatizado com aniz estrela)

Índia

Cardápio: Samosa (Pasteizinhos com recheio de batata com condimentos indianos), Bhajya (Croquetes de batata e cebola com farinha de grão de bico), Gulab Jamun (bolinhos de leite em pó embebido em caldas de rosas), Jalebi (Massa crocante encaracolada embebido em calda de açafrão e cardomomo), Mathri (Palitos crocantes de farinha de trigo com condimentos indianos), Chay (Chá preto com leite cardamomo e gengibre) Lassi (Refresco de Yogurte e leite com essência de rosas e cardomomo)

Bolívia

Cardápio: Salteña, empanadas e Mocochinche (Suco (chá) de pêssego desidratado típico de Bolívia)

Chile

Cardápio: Empanadas chilenas, Pastel de choclo, Humitas, Tortas de mil folhas, Alfajores, Chilenitos, Pisco chileno e Borgoña

Lituânia

Cardápio: Kugelis (Torta lituana feita de batata e bacon), Krustai (Torta lituana de amora ou framboesa), Torta de Ricota, Krupnikas (Licor de mel), Kiaulienos sumustinis (sanduiche de carne de porco) Lietuvisko torta (bolo lituano – sabores variados)

Alemanha

Cardápio: Aplfelstrudel (Torta de maçã), Schubilig, Einsbein (Joelho de porco defumado), Chucrute, Salada de batata cozida, Cervela (salsicha branca)

Minas Gerais

Cardápio: Feijão tropeiro, Doce caseiros diversos, Frango caipira, Leitão a pururuca, Pernil, Pão de queijo

Ceará

Cardápio: Tapioca, Baião de sois, Mungunza, Pão de arroz

Ciganos

Cardápio: Guibanitsa, Sarmá

África / Bahia

Cardápio: Cuzcuz de tapioca, Bolo de mandioca, Cocada, Acarajé

Portugal

Doces portugueses diversos

Serviço

2 ª Edição da Festa Muitos Povos, Uma Cidade

Dia 3 – das 18h às 21h

Dias: 4 a 7 – das 11h às 21h

Pavilhão de Exposições Vera Cruz

Endereço: Avenida Lucas Nogueira Garcez, 756, Jardim do Mar

Entrada e estacionamento gratuitos.

Anúncios

Centro de Referência em Saúde do Trabalhador ganha nova sede em São Bernardo

Fonte: Prefeitura de São Bernardo

Vanessa Oliveira
da redação

A nova sede do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) de São Bernardo do Campo foi inaugurada na tarde desta quarta-feira (23/6/) na Rua Wenceslau Braz, 170, Centro. As novas instalações contam com dois andares de aproximadamente 330 metros quadrados, 11 salas, sendo quatro consultórios (três médicos e um psicológico), além de área de enfermagem, recepção, parte administrativa e área de saúde ambiental.

Segundo a chefe da Divisão de Saúde do Trabalhador e Meio Ambiente, a mudança da sede visa proporcionar aos munícipes melhor condição de atendimento e prestação de serviço. O novo endereço, bem mais amplo e moderno que a antiga unidade, localizada na Rua Pietro Franchini, Centro, agrega melhores condições de trabalho para a equipe. Cerca de 20 funcionários atuam no local, entre médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, engenheiros e técnicos de segurança.

“Nesta nova configuração, desenvolveremos ações na área de saúde ambiental, como vigilância da qualidade da água, fiscalização de possível contaminação do solo por produtos químicos e potencial risco de acidente ampliado, ou seja, em situação de armazenamento de produtos perigosos”, explica. A nova sede possibilitará a intensificação das atividades de orientação aos trabalhadores por meio de espaços para reuniões e cursos.

Para o prefeito, este novo formato também possibilitará a busca de maior articulação junto aos sindicatos dos empregadores. “Na hora em que os patrões se derem conta de que ao cuidar da saúde dos trabalhadores melhoram não apenas o ambiente de trabalho, mas também sua produtividade e eficiência, todos vão ganhar”, comentou.

O Cerest é um serviço municipal de vigilância à saúde do trabalhador e atende trabalhadores desempregados, autônomos e empregados vítimas de acidentes ou com suspeita de doenças decorrentes do trabalho. O Centro presta assistência para diagnóstico; encaminhamento ao INSS e para os demais serviços do sistema de saúde.

Também faz inspeções sanitárias nos ambientes de trabalho que apresentam riscos eminentes ao funcionário; atende denúncia referente aos riscos em locais de trabalho; realiza educação em saúde para pacientes que necessitam de informação e/ou orientação e dá suporte técnico aos serviços de saúde do município. A partir deste ano, o Cerest também passou a contar com um Conselho Gestor da Unidade composto por representantes sindicais.

Histórico – Remonta o ano 1985 a organização de serviços de atenção aos trabalhadores em resposta às reivindicações sindicais e os dados de adoecimento dos trabalhadores decorrentes das intoxicações por chumbo, mercúrio, entre outros produtos químicos.

Em 1989, a Secretaria de Estado, em conjunto com sindicatos, prefeituras do Grande ABC e o Sistema Único Descentralizado de Saúde (SUDS) cria na região o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador de São Bernardo.

A unidade do município foi protagonista no desenvolvimento no Estado de São Paulo do Projeto Brasil-Itália, a partir do qual foram desenvolvidas vigilâncias nas indústrias moveleiras, avaliação de ruído nas metalúrgicas e avaliação neuropsicológica nas empresas que utilizavam produtos químicos na produção.

<>Acidentes de trabalho e doenças – Em 2009, foram registrados no Cerest São Bernardo 1.979 casos atingindo 1.440 homens, sendo 50% com afastamento superior a 15 dias e 53% afetando os membros superiores. As principais causas externas de acidentes foram: esforços físicos, impactos e transportes.

Foram realizadas 168 inspeções, sendo 61% programadas (demandas do próprio Centro) – 27% dos casos vistoriados foram denúncias-, 7% pelo Ministério Público do Trabalho, 3% pelos sindicatos e 2% de outras origens. Nas vistorias estão incluídas as investigações de acidentes fatais, que somaram 19.

O Cerest integra o Departamento de Proteção à Saúde e Vigilâncias, da Divisão de Saúde do Trabalhador e do Meio Ambiente da Secretaria Municipal de Saúde. O telefone da unidade é 4332-0552. O agendamento pode ser feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, com o plantão às segundas-feiras, das 14h às 17h.

São Bernardo amplia aquisição de alimentos de Agricultura Familiar para compor merenda escolar

Fonte: Prefeitura de São Bernardo

Michele Coutinho
da redação

Em busca de oferecer uma alimentação cada vez mais saudável aos alunos, e ao mesmo tempo fomentar a produção e comercialização dos pequenos produtores, a Prefeitura de São Bernardo do Campo irá ampliar a aquisição de alimentos que compõem a merenda escolar das escolas da rede municipal de ensino com cooperativas de Agricultura Familiar.

O convênio para o fornecimento de verduras, legumes e frutas, no valor de R$ 800 mil, foi assinado na tarde desta quarta-feira (23/6), pelo prefeito. Segundo o chefe do Executivo, a ideia é estender o programa na medida em que os agricultores aumentarem sua capacidade de fornecimento ininterrupto.

“Quando eles atingirem a condição de fornecer de forma contínua a quantidade que precisamos, podemos chegar aos 100%. Fazemos isso não apenas para cumprir a lei, faríamos mesmo sem a determinação, já que está nos meus princípios valorizar esses homens e mulheres, de mãos calejadas, que trabalham para levar o alimento à mesa do povo brasileiro”, ressaltou o prefeito.

Por meio da Secretaria de Educação, oito entidades firmaram contrato, entre elas Cooperativa de Tapes do Rio Grande do Sul e Coopafarga, da região de Sorocaba. As associações fornecerão cerca de 600 mil quilos de hortifrutigranjeiro, que serão distribuídos a aproximadamente 95 unidades escolares, beneficiando mais de 38 mil alunos.

Segundo a secretária de Educação, a intenção é que os produtores da cidade também ingressem na lista de fornecedores. “Estamos dando suporte a eles para que se organizem e adquiram a documentação necessária para se estabelecerem como pessoa jurídica, para que passem a fazer parte desse processo. Um dos projetos é que eles nos forneçam peixes”, revelou a titular da Pasta.

Para o representante das cooperativas, Carlos Delai, a medida irá beneficiar ambos os lados. “Essa parceria além de assegurar produtos mais frescos ao cardápio alimentar das crianças e, consequentemente, com mais qualidade, também proporciona crescimento econômico e sustentável a nós, homens do campo”, afirmou.

Histórico – Em março a cidade assinou o primeiro contrato, que garantiu a provisão de 1,2 milhão de saches de suco natural de laranja, 68 toneladas de feijão, 38 toneladas de banana prata e 242 toneladas de banana nanica, totalizando um investimento de R$ 1,2 milhão. São Bernardo é o primeiro município da Região Metropolitana do Estado a cumprir a Lei Federal 11947/2009, que determina a compra de pelo menos 30% da produção dessa categoria do campo para a refeição servida aos estudantes.


UPA Demarchi/Batistini será inaugurada na terça-feira

Publicado: 25/06/2010 em Sem categoria
Tags:,

Fonte: Prefeitura de São Bernardo do Campo

Vanessa Oliveira
da redação

São Bernardo do Campo ganha mais uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 horas. Denominada UPA Demarchi/Batistini, a unidade será inaugurada pelo prefeito do município nesta terça-feira (29/6), às 10h30, na rua Valdomiro Luiz, 279, no bairro Nossa Senhora de Fátima. O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, também estará presente.

Com 1.300 m2 de área construída, a nova UPA 24 horas segue o mesmo sistema de construção modular, com painéis isotérmicos, utilizado na edificação da UPA da Vila São Pedro, inaugurada em dezembro de 2009. As suas características e modelo de funcionamento também são idênticos aos da primeira UPA.

A unidade será toda informatizada e climatizada e contará com quatro consultórios com clínica médica, pediatria, laboratório de análises, eletrocardiograma, serviço de raio-X, sala de medicação e nebulização.

Haverá, ainda, uma farmácia 24 horas, que oferecerá medicamentos gratuitos para os pacientes, e uma base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). O espaço irá dispor de 14 leitos, sendo quatro pediátricos, oito adultos e duas salas de emergência, tipo UTI, equipadas para estabilizar pacientes graves até que sejam removidos com segurança para um hospital de referência. O valor da obra está estimado em R$ 5,3 milhões.

A Prefeitura planeja construir outras sete UPAs até o final do governo. A próxima a ser entregue deverá ser a do Riacho Grande, cuja inauguração está prevista para agosto.

Fonte: Prefeitura de São Bernardo do Campo

Publicação:18/5/2009

Marcelo Dorador

da redação

A descentralização dos serviços com a criação de centros de atendimentos espalhados pela cidade foi a principal proposta apresentada durante Pré-Conferência Temática da Saúde Mental, realizada pena Prefeitura de São Bernardo do Campo na segunda-feira (15/5). O coordenador do Programa de Saúde Mental da cidade disse que a estrutura existente hoje na cidade é deficiente.

Durante o encontro, o coordenador afirmou que atualmente os serviços são centralizados e não há nenhum Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) para atendimento de casos graves para crianças e adultos na cidade. Dentro das propostas de mudanças para a saúde mental de São Bernardo, o coordenador aponta como a principal mudança, a criação dos serviços territoriais com atendimento para as pessoas com transtornos graves.

O evento contou com mais de 100 credenciados, muitos deles usuários da rede de serviços oferecida pela Prefeitura e foi realizado no Dia Nacional da Luta Antimanicomial.

Miriam Rocha, mãe de usuário do sistema de saúde mental do município, foi eleita delegada durante a conferência temática. Para Miriam, reuniões como a pré-conferência, deveriam ser realizadas com mais frequência por ajudar a manter informada a população.

Oito temas foram apresentados durante a Conferência Temática de Saúde Mental: Controle Social; Atenção Básica; Atenção em Saúde Mental; Promoção, Proteção e Vigilância à Saúde; Financiamento; Regulação do Sistema Único de Saúde; Gestão de Pessoas; e Assistência Farmacêutica.

Todos os participantes elegeram qual seria o principal tema a ser debatido para, assim, definir as diretrizes dentro do assunto discutido. Dos oito temas apresentados, a população elegeu Atenção Básica, Atenção em Saúde Mental e Controle Social como os mais pertinentes a serem trabalhados durante a conferência. Ainda no mesmo dia foram definidos os delegados que apresentarão as diretrizes na 6ª Conferência Municipal de Saúde.