Posts com Tag ‘prefeitura de são bernardo do campo’


da redação

A Fundação Criança de São Bernardo do Campo realizou neste sábado (15/5) o lançamento do projeto Basquete: Educação através do Esporte, uma parceria com o Instituto Passe de Mágica, fundado pelas irmãs e ex-jogadoras de basquete Magic Paula e Branca, em evento realizado na Cidade dos Direitos da Criança e do Adolescente, no Bairro Assunção.

Com as atividades iniciadas no fim de março, o projeto, que também tem como parceiro a empresa Neon administradora de condomínios, já atingiu sua meta de 60 crianças inscritas, mas que deve ser expandido o mais breve possível. “A ideia é dobrar o numero de alunos com o apoio da iniciativa privada” afirmou o diretor-presidente da Fundação Criança.

“A parceria com Neon começou há dois anos e o objetivo era abrir um núcleo em São Bernardo, que agora se tornou possível e foi consolidado com o apoio da Prefeitura”, afirmou Magic Paula.

O projeto oferece a prática lúdica da modalidade a crianças escolhidas segundo critérios socioeconômicos entre moradores próximos aos núcleos onde é sediada a iniciativa. O alvo são jovens que residem próximos à Fundação,e se encontram em situação de vulnerabilidade social e econômica

O vice-prefeito destacou a importância de investimentos e parcerias em ações sociais “Quanto mais investimentos na educação e no esporte, menos precisamos investir em segurança”, ponderou.

Segundo Hilda Borges Gonçalves, presidente do Instituto Passe de Mágica e mãe de Magic Paula, é importante atrair as crianças para a prática esportiva. “Junto com o esporte vem um monte de coisas boas, como o respeito ao próximo, o trabalho em equipe e principalmente a superação de desafios.”

Anúncios

CENTRO LIVRE DE ARTES VISUAIS

OFICINA DE BRINQUEDOS COM A CIA. CARROÇA DE MAMULENGOS, DO CEARÁ.

3/5 segunda 18h

4/5 terça 18h

O Carroça de Mamulengos, desde sua origem, sempre trabalhou com bonecos de várias linguagens e elaborou uma estética própria de construção, explorando elementos naturais como a cabaça, as sementes, o sizal, a madeira, a bucha, entre outros. Nesta oficina, um pouco deste trabalho.

Público-Alvo: interessados no teatro de animação

Faixa-Etária: recomendação a partir de 17 anos

Carga Horária: 2 horas

Número de vagas: 20

Inscrição: palestrasedebates@gmail.com, de 26 de abril até o preenchimento das vagas.

TEATRO AMAZONAS/CIDADE DA CRIANÇA

CORTEJO DE CABEÇÕES

24 e 1/5 sábado 9h30

Cabeções ou Pigmeus são figuras desproporcionais – cabeças maiores que os troncos – que carregam dentro de si uma criança ou adulto. Quando se movimentam geram uma imagem lúdica por natureza. Aqui, eles chegarão com balanço e requebre, trazendo todas as suas influências culturais numa estética contemporânea para que junto a todos formem um alegre e entusiasmante cortejo, ao som de música ao vivo. Concepção geral: Sandro Roberto. Com o Grupo Imaginário.

A FESTA DA ROSINHA BOCA MOLE

25 domingo 11h e 15h

O coronel Libório celebra o casamento de sua filha Rosinha Boca Mole com o vaqueiro Benedito. Para o acontecimento, uma grande festa é realizada. Mas, no dia tão esperado, aparece o coisa ruim, ele, o demo em pessoa, querendo desposar Rosinha. Para esquentar mais a coisa, um trio de forró entra na história. Com o Grupo Mamulengo da Folia, de Pernambuco.

BENDITO OS BENEDITOS

24 sábado 11h e 15h

Peça que reúne vários personagens da tradição do mamulengo, aqui “encarnados” como Dona Quitéria, Capitão João Redondo, Sargento Bitola, Boizinho Brincadeira, Cobra das Sete Luas, embalados em muitas brincadeiras, músicas e cirandas. Com a Associação Cultural Inventor de Sonhos.

MAMULENGO É TERNO DIVINO

1 /5 sábado 11h e 15h

Terno é o nome que se dá ao conjunto de bonecos que formam a brincadeira. Nessa apresentação Carlos Gomide, também conhecido como Carlos Babau, revive a beleza divina desse teatro tão singelo, capaz de falar de assuntos tão profundos e tocar com delicadeza e poesia o coração dos meninos e os olhos dos homens. Com a Cia. Carroça de Mamulengos, do Ceará.

SEJA NOITE OU SEJA DIA, VIVA O PALHAÇO ALEGRIA.

2 /5 domingo 11h e 15h

Nesta brincadeira, Carlos Gomide mostra, junto com Shirley França, todo o processo de montagem do Palhaço Alegria, um boneco de 3 metros de altura. Alegria traz em seu peito um palco, no qual são encenadas histórias brincadas com bonecos de mamulengo. Com a Cia. Carroça de Mamulengos, do Ceará.

AÇÃO CULTURAL NOS BAIRROS

RODA DE PROSA A SABEDORIA POPULAR COMO FONTE DE CRIAÇÃO DA CIA. CARROÇA DE MAMULENGOS, DO CEARÁ.

29 quinta 20h

O assunto é o teatro de bonecos popular do Nordeste – Mamulengo, Babau, Cassimiro Coco e João Redondo – e as ações do registro do mesmo como Patrimônio Cultural do Brasil pela Unesco. Prosa farta com Carlos Gomide e Renato Perré, Presidente da Associação Brasileira de Teatro de Bonecos.

PINACOTECA

Intervenção do Grupo Imaginário

13/5 quinta 19h

Um fotógrafo profissional devidamente posicionado vai oferecer uma rara oportunidade àqueles que quiserem fazer uma foto ao lado de uma boneca-escultura. Criação da escultura em madeira e interpretação: Sandro Roberto.

Roda de Prosa A Transformação da Estrutura dos Mamulengos

13/5 quinta 20h

A despeito das revoluções tecnológicas e apesar da falta de políticas públicas especificas e da documentação de sua trajetória, o teatro popular de bonecos ainda resiste por meio da oralidade e ganha projeção nos grandes centros.

Intervenção Brincando de Boneco, do Grupo Infantocata

27/5 quinta 19h30

“O Morto-Carregando-O Vivo”, “A flor que chora” e “O palhaço Farofa e a sua cobra Cloris” interagem com a platéia, brincando e convidando a todos a participar dessa diversão dentro da mais legítima e tradicional forma de arte milenar que é o teatro de bonecos popular. Com os atores-manipuladores Celso Ohi e Gim.

Roda de Prosa A Dramaturgia do Teatro de Bonecos

27/5 quinta 20h

Uma visão moderna de cultura deve olhar o ato criativo e o fazer artístico como uma extensa zona de diálogos. Querer que o mamulengo fique restrito e isolado é suicídio . É compreensível pelas razões citadas que alguns resistam e, com certeza, vão brigar ferozmente para que as coisas fiquem assim. Com André Luiz, do Sobrevento e Gim, do Infantocata.

Centro Cultural Antonia Marçon Bonicio

Av. João Firmino, 900 – Bairro Assunção – Fone: 4125-0054

Centro Livre de Artes Visuais

Rua Tasman, 301 – Jardim do Mar

Teatro Amazonas

Rua Tasman, 301 – Jardim do Mar

Sociedade Amigos Esportiva do Jardim Ipê

Rua dos Baobás, 30 – Jardim Ipê

Centro Comunitário Beneficente Nossa Senhora Aparecida

Rua Álvaro Alvim, 615 – Paulicéia – Fone: 4178-4897

Pinacoteca de São Bernardo do Campo

Rua Kara, 105 – Jardim do Mar – Fone: 4125-2466

8/5 sábado 20h
MOSTRA DE CINEMA: TRABALHO E TRABALHADORES

SpartacusEUA/1960/196 min
A história de Spartacus, o destemido gladiador que levou Roma à revolta dos escravos e de Varinia, a mulher que acreditou em sua causa. Inspirador conto da eterna luta do homem pela liberdade, o filme combina história com espetáculo para criar um drama emocionante de amor e compromisso. Direção: Stanley Kubrick. Com Kirk Douglas, Laurence Olivier, Jean Simmons, Charles Laughton, Peter Ustinov, Tony Curtis.
CINECLUBE PHOTOGRAMAS/PINACOTECA DE SÃO BERNARDO DO CAMPO Rua Kara, 105 – Jardim do Mar – Telefone: 4125-2466   – GRÁTIS
15/5 sábado 20h
MOSTRA DE CINEMA: TRABALHO E TRABALHADORES

Tempos Modernos (EUA/1936/83 min)
Uma das maiores obras do lendário Charlie Chaplin, que sofre dentro de uma fábrica repleta de geringonças como um “comedor para funcionários”, que promete diminuir para apenas 15 minutos o horário do almoço. Demitido da fábrica, ele acaba encontrando uma moradora de rua e com ela decide procurar felicidade e dinheiro. Direção: Charles Chaplin. Com Charles Chaplin, Paulette Goddard, Henry Bergman, Tiny Sandford e Chester Conklin.
CINECLUBE PHOTOGRAMAS/PINACOTECA DE SÃO BERNARDO DO CAMPO Rua Kara, 105 – Jardim do Mar – Telefone: 4125-2466   – GRÁTIS
22/5 sábado 20h
MOSTRA DE CINEMA: TRABALHO E TRABALHADORES

Terra Fria (EUA/2005/126 min) O que Josey Aimes mais quer é um trabalho decente para que ela possa colocar comida em casa e criar bem seus filhos. Mas o que ela realmente consegue é ser ameaçada, insultada, cobiçada, desprezada, atacada e chamada dos piores nomes. Uma história verdadeira de uma mulher que quebrou a barreira da discriminação sexual ao trabalhar nas insalubres minas de ferro de Minnesota e moveu a primeira ação trabalhista por assédio sexual da nação. Direção: Niki Caro. Com Charlize Theron, Frances McDormand, Sean Bean, Richard Jenkins, Jeremy Renner, Michelle Monaghan, Woody Harrelson, Sissy Spacek.
CINECLUBE PHOTOGRAMAS/PINACOTECA DE SÃO BERNARDO DO CAMPO Rua Kara, 105 – Jardim do Mar – Telefone: 4125-2466   – GRÁTIS
29/5 sábado 20h
MOSTRA DE CINEMA: TRABALHO E TRABALHADORES

Rio Congelado (EUA/2008/97 min
Nesta produção independente eleita a melhor de 2008 pelo júri do Festival de Sundance, duas mães, Lila e Ray, embarcam em uma empreitada ilegal de transporte de imigrantes pela fronteira do Canadá e Estados Unidos para salvar a família. Após algumas passagens, tudo escapa do controle e força essas duas mulheres, mães e amigas, a tomarem decisões. Direção: Courtney Hunt. Com Melissa Leo, Misty Upham, Charlie McDermott, Mark Boone Jr, Michael O Keefe, James Reilly, Jay Klaitz, Bernie Littlewolf, John Canoe.

CINECLUBE PHOTOGRAMAS/PINACOTECA DE SÃO BERNARDO DO CAMPO Rua Kara, 105 – Jardim do Mar – Telefone: 4125-2466   – GRÁTIS

Fonte: Prefeitura de São Bernardo

arscientia

arscientia

Kelly Santos
da redação

As inscrições para os cursos de literatura do programa Tantas Letras! estão abertas a partir desta segunda-feira (26/4) e continuam até 7 de maio. Os interessados poderão se inscrever pessoalmente na Biblioteca Monteiro Lobato (Rua Jurubatuba, 1415, Centro), ou pelo site da Prefeitura – http://www.saobernardo.sp.gov.br -, onde está disponível a ficha de inscrição para preenchimento e envio por e-mail.

A atividade oferecida pela Secretaria Cultura promoverá encontros de 8 de maio a 27 de novembro. As atividades acontecerão sempre aos sábados, na Biblioteca Monteiro Lobato. Os momentos serão dedicados à reflexão sobre a literatura, bem como à produção e discussão dos trabalhos dos próprios alunos.

Estarão disponíveis 35 vagas por curso, e os interessados passarão por uma seleção entre os coordenadores. A programação também inclui palestras e a presença de convidados, estimulando os participantes a refletirem sobre os aspectos diferentes da linguagem de cada oficina.

A exemplo da experiência bem-sucedida do ano passado, neste ano também haverá encontro de monitoria, quando os alunos da edição anterior poderão atuar como monitores, criando diálogo e troca de vivências entre as turmas.